Benefícios

5 dicas para renegociar as dívidas com a faculdade

Entrar para a faculdade é o sonho de muitos brasileiros, porém esse sonho pode custar um pouco mais caro do que o previsto. Os alunos universitários acabam ficando inadimplentes por motivos de não conseguir pagar a mensalidade do curso. Isso acontece devido à vários motivos, os mais constantes deles são as crises familiares, perda de estágio ou emprego ou até mesmo falta de um bom planejamento financeiro.

De acordo com lei, os estudantes om mensalidades atrasadas não podem ser constrangidas pela faculdade. No entanto, caso o universitário não entre em contato com a faculdade para renegociar suas dívidas no prazo de 90 dias (três meses), a instituição pode incluir o nome do estudante ou responsáveis diretamente no SPC/Serasa.

Além da renegociação diretamente com a faculdade, para não gerar ainda mais dívidas o estudante pode tentar financiar seus estudos com a Caixa FIES, programa criado pelo Governo Federal juntamente com o Ministério da Educação.

Se você está passando por situações indelicadas como essa, ou deseja apenas ficar ciente das providências à serem tomadas para renegociar as dívidas com a faculdade, continue nos acompanhando pois listamos abaixo 5 dicas para renegociar as dívidas com a faculdade. Confira!

1.Saiba o valor da dívida

Antes de qualquer outro passo a ser tomado, é de suma importância que você levante todas as informações possíveis referente aos valores que está devendo às faculdades. Assim, você terá maiores detalhes sobre a dívida e terá como falar com mais riqueza de informações no momento em que for renegociar as mensalidades atrasadas.

2. Faça um levantamento de suas despesas pessoais

Agora que você já sabe qual o valor de sua dívida com a faculdade, faça um levantamento de seus gastos com as despesas pessoais, como alimentação, aluguel, transporte, saúde e outros. Essa conta deve te mostrar todo os gastos fixos que você tem no mês e que não tem como não serem pagos.

Ciente desses gastos, você terá uma ideia de quanto poderá pagar em cada parcela renegociada com a faculdade.

3. Procure a faculdade

Esse é o passo mais importante. Compareça ao atendimento presencial de sua faculdade para renegociar sua dívida. Todo o processo de renegociação não deve ser feito por telefone ou e-mail. Muitas faculdades possuem uma sala de atendimento específica para casos de renegociação de dívidas. Agende seu horário e compareça. É importante lembrar que todos os pontos devem estar bem esclarecidos para que não haja nenhum tipo de problema posteriormente.

4. Apresente uma justificativa para o atraso

No momento de renegociação da dívida, você pode deixar claro que está com dificuldade para pagar as mensalidades de seu curso. Sendo assim, além de pedir renegociação solicite bolsas de estudos oferecidas pela faculdade ou inscreva-se no FIES 2020.

5. Seja responsável no acordo que fizer

É de suma importância você ter atenção na hora de assinar o contrato de renegociação. Lembre-se que você terá que pagar as prestações em atrasos além da mensalidade atual. Por isso, certifique-se de todos os seus gastos fixos e tenha noção da conta que cabe no seu orçamento, para não gerar ainda mais dívidas.

Benefícios

Mais de 12 milhões de famílias em todo território nacional são auxiliadas pelo Governo Federal

O Bolsa família é um programa do governo que beneficia muitas famílias em situações de pobreza, atendendo mais de 12 milhões de famílias em todo o território nacional. O programa é integrado ao fome zero que tem o objetivo de alimentar adequadamente, promovendo a segurança alimentar e nutricional de pessoas menos favorecidas. O valor do benefício recebido pela família pode variar entre R$22,00 a R$ 200,00 dependendo do número e idade dos filhos.

Clique aqui e informe-se sobre o benefício em 2021.

Como fazer o cadastro e quem tem o direito de receber o benefício?

Para fazer o cadastro no Programa Bolsa Família é muito simples. Primeiro é preciso saber se você tem direito de receber o benefício, pois existem alguns critérios e restrições. É preciso que a renda por pessoa dos moradores da residência seja de R$120. Para saber se você pode receber o benefício faça a soma dos salários de todas as pessoas que moram em sua residência e dívida pelo total de pessoas. Quanto menor for a renda por pessoa da casa a possibilidade de ser aceito no programa é maior.

Você deve ir a um setor responsável pelo programa bolsa família que fica na prefeitura de sua cidade. Você deverá velar seu título de eleitor, CPF e RG e solicite seu cadastro no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

Para fazer o seu cadastro leve os seguintes documentos:

  • Característica do domicílio, descreva o que possui em sua casa como, por exemplo, quantos eletrodomésticos existem na casa, se possui carro, entre outros.
  • Número de pessoas que moram na residência para que possa verificar o valor que lhe será fornecido.
  • Número do documento civil de cada morador.
  • Qualidade escolar e profissional de cada pessoa que mora na residência.
  • Comprovante de despesas, pois através dele é verificada a veracidade das informações.

O valor que você poderá receber vai depender da renda mensal de toda a família e da quantidade de filhos que você tem menores de 17 anos. São três tipos de benefícios, saiba quais são eles:

  • Valores bolsa família básico: R$ 62,00 – Para famílias extremamente pobres, com renda mensal por pessoa inferior a R$ 60,00.
  • Bolsa família variável: R$ 20,00 – Para famílias pobres com renda familiar por pessoa de até R$120,00. Nesta modalidade cada família pode receber até 3 bolsas famílias.
  • Bolsa família variável vinculado ao adolescente: R$ 30,00 – Para adolescentes com idades entre 16 a 17 anos que estão frequentando a escola. Nesta modalidade cada família pode receber até 2 bolsas.

Não deixe de conferir o Calendário Bolsa Família 2021 para saber quando você poderá realizar o saque do benefício.

Observação

Para receber o bolsa família todos os menores de idade que moram na residência precisam frequentar a escola e crianças que são menores de 7 anos precisam estar com as vacinas em dia. No caso de gestantes é preciso fazer o pré-natal. As crianças que foram retiradas do trabalho infantil precisam frequentar os serviços socioeducativos do governo.

Para saber mais e tirar todas suas dúvidas sobre o bolsa família você pode baixar em seu computador a Apostila do Bolsa Família, que foi desenvolvida pelo Governo Federal, ensinando tudo o que você precisa saber sobre o benefício.

Benefícios

Programa abre inscrições para bolsas remanescentes em universidades privadas

O programa do Governo Federal Prouni (Universidade Para Todos) é um incentivo para os alunos de baixa renda que querem tirar um diploma de nível superior. Ao se inscreverem, encaixando no perfil a que o programa é direcionado, os alunos ganham bolsas de estudos em universidades de renome que possuem convênio com o projeto. As Bolsas Remanescentes Prouni 2021 são as vagas que não foram ocupadas, dando a oportunidade para outros alunos cursarem o ensino superior.

Como funciona as Bolsas Remanescentes Prouni

As bolsas que não tiveram preenchimento, seja de bolsas integrais ou bolsas de 50% de desconto, voltam ao sistema do Prouni em busca de novos candidatos.

Ao serem reativadas, os alunos podem fazer suas inscrições e aguardar o resultado do processo seletivo feito pela instituição escolhida. Essas vagas são em cursos e turnos específicos onde o aluno irá escolher qual se encaixam no seu perfil e suas necessidades.

Inscrições nas Bolsas Remanescentes

As inscrições nas Bolsas Remanescentes Prouni 2021 acontecem no final de março, do dia 23/03/2020 até o dia 31/03/2020. Os candidatos deverão entrar no site do programa Prouni e fazer sua inscrição.

Vagas Remanescentes

Os candidatos devem pesquisar os cursos e instituições de interesse, escolher o turno e até dois cursos para cada instituição. Ao serem pré-selecionados deverão comparecer na instituição e comprovar por meio de documentação sua condição de candidato a uma vaga do programa Prouni, seja para vagas de 50% ou 100%.

Bolsas Remanescentes Prouni

Requisitos Bolsas Remanescentes

As Bolsas Remanescentes Prouni 2021 são destinadas aos alunos da rede pública ensino ou quando em rede particular com bolsa de 100%.

Aos professores de séries iniciais da rede pública que querem ter uma licenciatura em uma área específica, aos candidatos com deficiências físicas. Para todos esses candidatos as exigências são:

  • Ter feito o ENEM no ano anterior com uma pontuação de no mínimo 450 pontos e não ter tirado zero na redação da prova. Ou ter feito o ENEM nos anos de 2010, 2011, 2012, 2013 e 2014 com a pontuação mínima de 450 pontos e não ter tirado zero na redação da prova.
  • Ter uma renda familiar bruta, por pessoa do grupo familiar, menor ou igual a um salário mínimo e meio: R$ 880,00 x 1,5 = R$ 1320,00. Para bolsa de 50% o valor da renda familiar bruta por pessoa deve ser de até 3 salários mínimos: R$ 880,00 x 3 = R$ 2.640,00.
  • Para os professores de rede pública de ensino, a comprovação de renda é isenta, mas o candidato deve estar em pleno exercício da função.

Benefícios

Parcelamento de imposto predial e territorial urbano

Segundo o SPC Brasil, em março de 2018 cerca de 61 milhões de brasileiros estavam inadimplentes. O número é preocupante. Mas, corresponde a dívidas em comércios. Acontece que isto reflete nas contas de casa. Uma boa saída é o parcelamento IPTU 2021. Veja como fazer o parcelamento IPTU 2021.

Por que pagar o IPTU 2021?

O Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) é um tributo cobrado nacionalmente. A Prefeitura Municipal de cada uma das 5.570 cidades que compõem o país, deve cuidar da cobrança e organização deste imposto.

✓ Comparando preços? Veja também os valores dos IPTU’s:

  • IPTU 2021 São Paulo SP

IPTU 2021 Rio de Janeiro RJ

É que todo o valor recolhido com o IPTU fica para os cofres públicos da cidade. O valor deve ser revertido em melhorias locais. Por exemplo, investimento na educação, saúde, segurança, infraestrutura, obras e um conjunto de serviços que atendem a população.

O primeiro ponto que deve ser pensado quando se fala de pagar o IPTU 2021 regularmente é que o cidadão estará investindo em sua própria cidade. Cumprindo com o seu dever.

Outro caso a ser lembrado é que a inadimplência neste caso, resulta em juros, multas e prejudica a burocracia do seu imóvel.

O proprietário que não fizer o pagamento do imposto não pode, por exemplo, registrar na prefeitura uma obra em seu terreno. Fazer a venda legal do imóvel. Transferir a residência para parentes e dependentes. Entre outros processos.

Como solicitar parcelamento IPTU 2021?

Aqueles que desejam resolver a sua dívida ativa precisam procurar o setor de finanças do município.

Normalmente, são as Secretarias Municipais da Fazenda, Desenvolvimento e Economia que cuidam deste assunto. Há casos em que são dados descontos e exclusão de juros e multas.

Se você não tem nenhum boleto atrasado, mas deseja fazer o parcelamento do IPTU 2021, pois o valor total não cabe no seu bolço, pode ficar tranquilo. Infelizmente, neste caso é muito improvável que haja desconto. Mas, o parcelamento pode variar de 3 a 12 cotas dependendo da cidade.

Em alguns locais, quando recebe a guia de pagamento em sua residência o contribuinte tem em mãos o boleto para cota única e os boletos para parcelamento. Sem a necessidade de solicitar.

Se em sua cidade isto não acontece, a solicitação pode ser feita via internet, no site da prefeitura. Ou na sede da instituição.

2 via Parcelamento IPTU 2021

Se você está com poucos dias de atraso na sua parcela, existe uma maneira de pagá-la sem acumular dívidas. A 2 via parcelamento IPTU 2021 pode ser feita via internet.

Assim, o contribuinte consegue pagar o boleto com a data de vencimento para o dia da emissão da segunda via.

Algumas prefeituras implicam juros dependendo de quantos dias aquela parcela está em atraso. Os juros não devem ser abusivos. Veja no passo a passo como fazer este processo. Usando como exemplo a Prefeitura Municipal de Manaus.

  • Passo 1: Acesse o site da Prefeitura. Neste caso, a de Manaus;
  • Passo 2: Clique na opção ‘Cidadão’;
  • Passo 3: Na lista de serviços do cidadão, clique em ‘Finanças’. Em seguida, selecione ‘IPTU’;
  • Passo 4: A página vai deixar disponível um link para acesso a esse serviço;
  • Passo 5: Selecione ‘Pagamento IPTU 2 Via’;
  • Passo 6: Uma página com informações sobre segunda via ficará disponível. Clique em ‘Acesso rápido’;
  • Passo 7: Na página seguinte, insira a matrícula da propriedade. Esta informação está descrita no boleto do IPTU. Insira o código e depois, clique em ‘Consultar’.

Independente de qual cidade você acessará o site, o sistema sempre irá pedir o número de inscrição, matrícula ou registro da sua propriedade. Tenha conhecimento desta informação.

Benefícios

5 Lugares com os melhores cursos de maquiagem

Profissional de maquiagem ainda não exige nível superior. Os cursos são de curta duração e ótimos para entrar rápido no mercado de trabalho. E sempre há boas escolas. Para quem quer entrar no setor, temos cinco dicas dos melhores lugares para fazer um curso de maquiagem. Saiba mais!

Os 5 Lugares com os melhores cursos de maquiagem!

A curta duração e baixo investimento são um dos principais atrativos para o curso de maquiagem. O profissional com uma certificação pode entrar no mercado rápido e trabalhar para si mesmo ou empresas. Pode atuar em salões ou com atendimento diferenciado em residência. As possibilidades de ganhos são realmente numerosas.

Mas onde estudar? Muitos concordam que existe uma enorme oferta de cursos de maquiagem no mercado, mas nem todos são bons. Reunimos dicas de especialistas sobre as principais escolas e porque você deve ir lá.

1 – Senac

O Senac é referência quando se trata de cursos de beleza. O de cabeleireiro é um dos mais procurados e o primeiro profissionalizante e o de make up vai no mesmo caminho. Várias unidades ofertam o curso como o Senac SP, Senac MG, dentre outros. Os cursos Senac de unhas, massagem e outros da área de estética também são boas opções.

2 – Instituto Embelleze

Também é referência no setor de estética. Os melhores cabeleireiros dão cursos nas unidades paulistas de cortes e penteados. A escola trabalha com baixo custo por curso, duração rápida (apenas alguns dias) e muita aula prática para o aluno já sair pronto para o mercado.

Possui unidades em todo o Brasil e com a possibilidade de pagar com cartão de crédito. O material de uso em sala de aula é fornecido pela instituição, que também possui contatos para quem quer montar seu primeiro kit com preço mais em conta.

3 – Instituto L’Oréal Professional

Além de ser uma marca referência no mercado, a L´Oréal também possui unidades para formar profissionais. Ela ensina técnicas consagradas de maquiagem básica, mas atualiza sempre seus cursos paras novidades do mercado. O curso de maquiagem tem duração de apenas 12 horas.

Um dos diferenciais é ter de fornecer desconto para quem faz mais de um curso na escola. Também convida para oficinas e palestras gratuitamente os ex alunos.

4 – Escola Mastered

A escola inglesa possui apenas uma unidade no Brasil e cursos online. Um dos diferenciais é ter renome internacional. Seu certificado anda sendo muito bem quisto no mercado, tanto que profissionais voltaram à sala de aula apenas pela certificação. Muitos profissionais que trabalham com grifes hoje estudaram por aí.

Quem estiver em viagem pela Inglaterra pode tentar um minicurso na instituição, com unidade em Londres. As oficinas de um dia possuem certificados e são para atualizar os profissionais nas tendências do setor.

5 – Liceu de Maquiagem

Localizado em São Paulo, é tido como referência entre os profissionais do setor. É o curso com menor duração do mercado: apenas 6 horas. Tão pouco tempo não é problema para ensinar como usar os pincéis, selecionar a paleta de cores e outros truques que todo bom profissional de make up deve ter.

Não é dos mais baratos mas é um dos mais procurados. Suas salas de aula chegam a ter apenas cinco alunos porque prezam pelo aprendizado e não quantidade.

Benefícios

PIS começa a ser pago no início do segundo semestre do ano

PIS 2021: Consulta Caixa Econômica Federal. O Calendário do PIS 2021 começa a ser pago no início do segundo semestre de 2021. Saiba agora quem tem direito ao Abono Salarial e como fazer para consultá-lo na Caixa Econômica Federal. PIS 2021: Consulta Caixa Econômica Federal.

O PIS – Programa de Integração Social – foi criado pelo Governo Federal em 1970 no intuito de garantir a integração do trabalhador com o desenvolvimento das empresas, garantindo assim, uma melhor distribuição de renda. O PIS é um benefício exclusivo dos trabalhadores do setor privado, e para participar deste Programa o trabalhador deve ser cadastrado pela empresa quando for realizada sua primeira admissão, assim, o trabalhador terá o seu cartão com o número de sua inscrição no PIS para contar com vários benefícios, inclusive o FGTS – Fundo de Garantia do Tempo de Serviço.

Se você já trabalha de Carteira Assinada e não está cadastrado no calendário PIS 2021 Abono Salarial, deve conversar imediatamente no setor de RH da empresa onde trabalha para que o cadastro seja providenciado. E os trabalhadores corretamente cadastrados no PIS e que atendem a todos os requisitos exigidos terão direito a 1 salário mínimo, vigente no momento do pagamento do benefício. Confira quais são os requisitos para ter direito ao Abono Salarial do PIS 2021:

  • Deverá estar cadastrado no PIS no mínimo há 5 anos;
  • Será preciso ter recebido uma remuneração média mensal de no máximo 2 salários mínimos no período do ano-base de referência, incluindo o 13º salário e também o abono de férias;
  • Já ter exercido alguma atividade que tenha sido remunerada por no mínimo 30 dias corridos, ou não, também durante o ano-base de referência;
  • E por fim, será preciso que o trabalhador tenha seus dados informados corretamente pela empresa através da RAIS – Relação Anual de Informações Sociais.

Empregadas domésticas não têm direito ao Abono Salarial do PIS, assim como não tem direito também os trabalhadores urbanos ou rurais que sejam empregados por Pessoa Física. Os menores aprendizes também não contam com este benefício de receber o abono salarial do PIS. PIS 2021: Consulta Caixa Econômica Federal

Consultar o PIS hoje em dia é muito fácil, pois graças à internet você poderá fazer sua consulta no site da Caixa Econômica Federal, através do link abaixo: https://sisgr.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CIDADAO01 – informe o NIS e também sua senha de internet. Observe que logo abaixo destes campos você tem opção para “Cadastrar Senha”, “Trocar Senha” e tem o botão “Esqueci Senha” para o caso de você não se lembrar mais de sua senha de acesso. Através do site, você consegue acessar a tabela do PIS 2021, além do valor da parcela devida pelo banco.

Em caso de dúvida, vá a uma agência da Caixa mais próxima de você ou ligue para o telefone 0800 726 0101.

Benefícios

Cursos universitários divulgam nota de corte

É importante entender como funciona a nota de corte do SISU 2021. Durante o período das inscrições o programa calcula a nota de corte para cada curso com base no número de vagas disponíveis e no total de candidatos inscritos para cada um. A nota de corte serve para selecionar o candidato que vai ficar entre os potencialmente selecionados. Sendo assim, quem não tiver uma nota igual ou superior a de corte não consegue concorrer às vagas após o SISU 2021 resultado for divulgado.

Para consultar a nota de corte para o seu curso, basta entrar no site do SISU. Se você tiver uma nota alta, você terá grandes chances de conseguir uma vaga, não deixe de correr atrás o quanto antes.

Como aplicar a nota do SISU para entrar na universidade?

Muitos querem saber como usar a nota do SISU para entrar na universidade. Esse processo não tem segredo, mas para participar do programa de seleção unificada é necessário que você tenha participado da última edição do Enem.

O resultado SISU 2021 vai depender da nota do Enem, é com ela que você concorre as oportunidades do SISU, assim como concorreria se fosse no Prouni. Para entrar na universidade usando a nota do SISU, o primeiro passo é participar do processo seletivo e ter uma nota acima da nota de corte.

Vale lembrar que existem várias instituições de ensino conveniadas com esse programa, logo, é importante que você veja qual na sua região está oferecendo vagas e para quais cursos.

Agora que você já sabe como realizar a consulta SISU resultado 2021 e utilizar a nota do mesmo para ingressar numa universidade pública, não perca tempo e entre já no site do MEC para realizar o processo. Caso exista dúvidas, deixe um comentário logo abaixo. Boa sorte!

Benefícios

Como ter acesso aos medicamentos da Farmácia Popular

Você faz uso de algum medicamento frequentemente e gostaria de pagar menos por eles? Chegou a hora de conhecer o programa Farmácia Popular Caixa! Quer saber como adquirir esses medicamentos com desconto? Continue conosco e saiba tudo sobre o programa Farmácia Popular Caixa. Graças a má alimentação, sedentarismo e diversos outros fatores, muitos cidadãos brasileiros se tornaram doentes.

O Governo Federal vem agindo ativamente para reverter esse quadro, oferecendo à população cada vez mais recursos de amparo a saúde. Hoje, você vai aprender como obter medicamentos com desconto por meio do programa Farmácia Popular Caixa. Continue conosco e tire todas as

Você faz uso de algum medicamento frequentemente e gostaria de pagar menos por eles? Chegou a hora de conhecer o programa Farmácia Popular Caixa! Quer saber como adquirir esses medicamentos com desconto? Continue conosco e saiba tudo sobre o programa Farmácia Popular Caixa.

Farmácia Popular Caixa

Graças a má alimentação, sedentarismo e diversos outros fatores, muitos cidadãos brasileiros se tornaram doentes. O Governo Federal vem agindo ativamente para reverter esse quadro, oferecendo à população cada vez mais recursos de amparo a saúde.

Hoje, você vai aprender como obter medicamentos com desconto por meio do programa Farmácia Popular Caixa. Continue conosco e tire todas as suas dúvidas!

Farmácia Popular Caixa: O Que é Esse Programa?

O principal objetivo desse programa é fazer com que a população tenha acesso a medicamentos importantes com descontos. Esse programa só pode ser realizado graças à transferência de recursos que o Ministério da Saúde repassa.

Diversos medicamentos oferecidos contra hipertensão, diabetes e até mesmo contraceptivos são disponibilizados em farmácias e redes de drogarias credenciadas presentes no país todo.

Os preços são muito acessíveis e os descontos chegam a até 90%. Alguns medicamentos mais específicos como aqueles para tratar asma, diabetes e hipertensão saem de graça.

O programa Farmácia Popular Caixa surgiu para beneficiar as famílias e cidadãos brasileiros que precisam de medicamentos de uso contínuo e, infelizmente, não tem condições de arcar com os custos dos mesmos.

Farmácia Popular Caixa: Quem Pode Utilizar Esse Programa?

O Programa Farmácia Popular Caixa pode ser utilizado por qualquer pessoa que não tenha condições de adquirir medicamentos pelo preço integral.

Pessoas que precisam de medicamentos baratos e que não façam nenhum tratamento de saúde oferecido pelo SUS também podem utilizar os recursos do programa Farmácia Popular.

Para beneficiar-se dos descontos, basta dirigir-se a uma farmácia credenciada no programa e adquirir seus medicamentos. Nenhuma comprovação de renda será necessária, basta apresentar a receita médica e um documento de identificação.

Como Cadastrar a Sua Farmácia Neste Programa?

Se você tem alguma farmácia ou drogaria e quer se cadastrar no programa Farmácia Popular Caixa, basta seguir algumas etapas:

1 – Pré Cadastro

Nesta etapa, os donos dos estabelecimentos de farmácias ou drogarias devem realizar o seu pré-cadastro. Basta visitar o site oficial da Caixa Econômica clicando aqui.

2 – Cadastro

Os donos de farmácias ou drogarias que realizaram o pré-cadastro receberão no e-mail cadastrado o endereço eletrônico oficial para concluírem o cadastro.

Farmácia Popular Caixa: Quais Documentos Precisam Ser Entregues?

Após essas duas etapas de cadastramento, você deverá encaminhar alguns documentos à Caixa Econômica Federal por e-mail no prazo máximo de 30 dias.

Você poderá acompanhar todo o andamento do seu processo no Ministério da Saúde, basta solicitar à agência da Caixa o acesso ao SIFAP (Sistema de Farmácia Popular) através do seu NIS (Número de Identificação Social). Esse número está vinculado ao CNPJ da sua empresa cadastrada.

Após o envio desta documentação, você deverá aguardar a análise feita pelo Ministério da Saúde.

A publicação do resultado de credenciamento será feita do Diário Oficial da União. Você será informado do resultado por mensagem eletrônica.

Desenvolvido com ajuda de Wordpress.